FOTOGRAFIAS

AS FOTOS DOS EVENTOS PODERÃO SER APRECIADAS NO FACEBOOCK DA REVISTA.
FACEBOOK: CULTURAE.CIDADANIA.1

UMA REVISTA DE DIVULGAÇÃO CULTURAL E CIENTÍFICA SEM FINS LUCRATIVOS
(TODAS AS INFORMAÇÕES CONTIDAS NAS PUBLICAÇÕES SÃO DE RESPONSABILIDADE DE QUEM NOS ENVIA GENTILMENTE PARA DIVULGAÇÃO).

sábado, 31 de agosto de 2013

XXIII JORNADA PEDAGÓGICA ESCOLAS RIO




Esta Jornada será dedicada à reflexão sobre o grito nas ruas por mudanças em todos os sentidos.

“Ou aproveitamos a chance para as mudanças ou não haverá futuro para ninguém. Queremos outro mundo possível e agora necessário. Sem atender às demandas, poderemos protelar a tragédia; mas não a evitaremos. Agora é ouvir e agir.” Leonardo Boff.

Nosso convidado, o Professor Leonardo Boff, é doutor em Filosofia e Teologia pela Universidade de Munique, teólogo da libertação, escritor, professor e conferencista nos mais diferentes auditórios do Brasil e do exterior.

Recebeu vários prêmios por sua atuação em prol dos direitos humanos, dos empobrecidos e da formação de uma consciência ecológica e, em 2001, conquistou o Prêmio Nobel Alternativo da Paz, em Estocolmo.

É autor de mais de 60 livros nas áreas de Teologia, Ecologia, Espiritualidade, Filosofia, Antropologia e Mística.


Agenda do evento:
08h00m - Credenciamento
08h30m - Abertura 
09h00m às 10h00m - Palestra: O grito nas ruas e o eco na educação
10h00m às 10h30m – Coffee break 
10h30m às 12h00m – Debate 

15º Seminário de Pesquisa e Extensão

Seminário de Pesquisa e Extensão


A Universidade do Estado de Minas Gerais (UEMG) promoverá nos dias 06, 07 e 08 de novembro de 2013, o “15º Seminário de Pesquisa e Extensão da UEMG”. Esse evento tem o objetivo de divulgar, socializar e avaliar, tanto a produção extensionista, quanto aquela oriunda da pesquisa científica, desenvolvidas em todos os campi da Universidade, por alunos bolsistas e os respectivos docentes orientadores e colaboradores. Por ser aberto ao público em geral, os demais professores e alunos da Universidade também participam, seja como ouvintes, ou ainda apresentando para a comunidade acadêmica e para a sociedade os resultados das pesquisas e dos projetos de extensão, realizados durante o ano.

Com o resultado de avaliações realizadas desde dezembro de 2011, as Pró-Reitorias de Pesquisa e Pós-graduação - PROPPG e de Extensão - PROEX iniciaram, em 2012 alterações significativas no Seminário de Pesquisa e Extensão da UEMG, proporcionando o envolvimento de maior número de docentes e alunos, transformando o Seminário em um evento que realmente mostre a Pesquisa e a Extensão desenvolvidas, não só pelos alunos de graduação e pós-graduação, mas também pelos professores da Instituição. Em 2013, essas alterações continuaram ocorrendo possibilitando maiores espaços para interação entre pesquisadores, ocasião de aprendizagem e de formação, envolvendo maior número de palestras, mesas redondas, sessões de comunicação coordenada, exposição de pôsteres, oficinas e minicursos.

Em função do sucesso da iniciativa adotada, em 2012, de constituir um Comitê Acadêmico de Organização do Seminário - CAOS, esse Comitê foi recomposto em 2013, e continua, tendo como Coordenadora a Profa. Giselle Hissa Safar.

Esse comitê continuará trabalhando em íntima cooperação com a equipe técnica das Pró-Reitorias, e fará todos os contatos necessários com a comunidade acadêmica, no que diz respeito ao conteúdo acadêmico do Seminário.

Curso. "ASPECTOS RELEVANTES DA ATUAÇÃO DO JUIZ NO PROCESSO PENAL"

Fórum de Ciência e Cultura convida para o Ciclo de Debates VOCÊ SE COMUNICA? Uma política de comunicação para a UFRJ

VC-SE-COMUNICA FLYER int
11 de setembro – CBAE – 9h às 17h12 de setembro – Casa da Ciência – 9h às 17hConsulta pública – 23 de setembro a 04 de outubro10 de outubro – PLENÁRIA FINAL – Salão Pedro Calmon – 9h
O Fórum de Ciência e Cultura convida para o Ciclo de Debates Você se comunica?, que tem por objetivo formular uma política de comunicação para a UFRJ. O desafio é construir uma plataforma integrada que permita aos diferentes setores da comunidade universitária, alternativa e simultaneamente: a) gerarem e divulgarem conteúdos; b) terem acesso, através de meios propiciados pela Universidade, a conteúdos gerados no universo acadêmico nacional e internacional e, de forma mais ampla, às múltiplas manifestações contemporâneas no campo cultural, artístico e científico;
Nesse sentido, é preciso refletir sobre a necessidade de criação de um sistema de comunicação para a UFRJ que contemple, articule e difunda, de forma interdisciplinar, transversal e colaborativa sua produção.
A democratização dos meios de acesso e de difusão de informação está associada, direta e necessariamente, à capacidade que demonstrarmos de organizar, selecionar, estocar e estruturar formas amigáveis de acesso. O avanço das NTIC oferece novos e poderosos meios para atingirmos este objetivo, a custos decrescentes. Trata-se, pois, de conceber, discutir, projetar e implantar a(s) plataforma(s) de que dependerá a afirmação de nossa Universidade como uma verdadeira comunidade comunicativa.
Serão decisivos todos os esforços consagrados a simplificar formas de acesso ao uso de espaços virtuais para propósitos de divulgação ou produção de conhecimento, com regras e procedimentos claros.
O potencial de convergência das mídias proporcionado pelas tecnologias digitais deve ser aproveitado para a multiplicação do acesso ao conhecimento científico, cultural e artístico resultando em visibilidade à instituição, por meio de usos criativos da linguagem audiovisual e de recursos multimídia.
Você se comunica pretende articular os saberes de várias áreas de conhecimento, bem como organizar e promover de maneira mais intensa o diálogo intra e extramuros.
Estão convocados todos os segmentos da comunidade universitária, de todas as áreas de conhecimento e de todas as disciplinas. Sua contribuição com propostas é condição essencial para que se expressem a riqueza e a diversidade de nossa produção. Os resultados serão apresentados para discussão e aprovação por nosso Conselho Universitário.
Mobilize-se, manifeste-se, participe. Comunique-se.
Realização: Fórum de Ciência e Cultura da UFRJ
PROGRAMAÇÃO
Dia 11 de setembro– quarta – Salão do CBAE (Av. Rui Barbosa, 762 – Flamengo)
9h – Abertura
9h15 – Mesa I – Políticas Públicas de Comunicação
Políticas de transmissão e plataformas de convergência de mídias.
14h – Grupo de Trabalho
Dia 12 de setembro - quinta – Casa da Ciência (Rua Lauro Müller, 3 – Botafogo)
9h – Mesa II  – Política de Comunicação na UFRJ: Cenários e Perspectivas
14h – Grupos de Trabalho
Consulta pública das propostas – de 23 de setembro a 04 de outubro
Dia 10 de outubro – Salão Pedro Calmon – Palácio Universitário
9h - Plenária Final

IV Encontro da Cátedra América Latina e Colonialidade do Poder: Para além da crise? Horizontes desde uma Perspectiva Descolonial

cartaz-IV-encontr int

Nodias 28, 29 e 30/9 o campus Praia Vermelha da UFRJ sedia o "4º Encontro da Cátedra América Latina e Colonialidade do Poder". Com o tema "Para além da crise? Horizontes desde uma perspectiva descolonial", o evento propõe a discussão acadêmica sobre o conceito de descolonialidade no Brasil, além de diversos cenários na América Latina.
A edição deste ano tem base na reflexão e análise de professores e pesquisadores da UFRJ, da Universidade Federal Fluminense (UFF) e Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro (UFRRJ), que vêm debatendo a teoria descolonial latino-americana em áreas de conhecimento como geografia, sociologia e planejamento urbano e regional.
O encontro é uma articulação das três universidades, que através da Cátedra já realizou doze eventos de discussão, três deles internacionais.
Através da perspectiva descolonial, a ideia de crise será questão-chave nos debates. "Já se tornou lugar-comum, tanto nos meios intelectuais como nos meios de informação de massa, falar de crise, gerando uma opinião pública que se reconhece numa crise. Mas o que é que está em crise? Crise do capitalismo, ambiental, civilizatória? De que tipo de crise estamos falando?", questionam os organizadores do evento.
A proposta dos pesquisadores é aprofundar um pensamento crítico que foge das limitações de uma interpretação economicista das estruturas capitalistas, vinda do norte do continente americano.
A troca entre a produção intelectual brasileira e a de outros países latino-americanos contará com painéis de conferência de convidados internacionais que, em cada um dos três dias, se dedicarão à análise de um eixo temático.
O primeiro painel, "Estado e poder", terá como conferencistas Luis Tapia, filósofo e doutor em Ciências Políticas, diretor do doutorado multidisciplinar em Ciência do Desenvolvimento da Universidad Mayor de San Andrés (UMSA) e da Universidad Nacional Autónoma de México (UNAM), no México; Agustin Lao-Montes, sociólogo da Universidade de Massachusetts, nos Estados Unidos; e Edgardo Lander, sociólogo venezuelano da Universidade Central da Venezuela.
No segundo dia, o painel "Capitalismo e desenvolvimento" terá a presença de Anibal Quijano, membro da Cátedra América Latina e professor da Universidad Ricardo Palma, no Peru; e Alberto Acosta, economista equatoriano, professor e investigador da Faculdade Latinoamericana de Ciências Sociais (FLACSO), no Equador.
O painel do terceiro dia, "Experiências emancipatórias", terá a participação de Ana Ester Ceceña, economista investigadora do Instituto de Investigações Econômicas da Universidad Nacional Autónoma de México (UNAM), no México; e Catherine Walsh, professora principal e diretora do doutorado em Estudos Culturais Latino-americanos na Universidad Andina Simón Bolívar, no Equador.
Além das conferências, estão previstos debates abertos ao público universitário e mesas de trabalho, nas quais um grupo de cerca de 50 professores pesquisadores irá debater artigos, apontar desdobramentos de análises e planejar futuros encontros conjuntos.
O acesso gratuito aos painéis acontece das 9h às 12h no Salão Pedro Calmon do campus Praia Vermelha da UFRJ (Avenida Pasteur, 250, 2º andar).
As inscrições são limitadas e podem ser feitas pelo e-mail descolonialidade@forum.ufrj.br. Ao final do encontro, os participantes receberão certificado.

1ª Conferência Interuniversitária de Cultura do RJ

programa fic

1º Seminário de Integração dos Técnicos-Administrativos da UFRJ

540x270-slide-prog-sintae 2

Programação do 1o dia – 27/08/2013
8:30h   Credenciamento e Café
9:00h   Abertura
9:30h   Mesa de Debate
Gestão Pública e Universidade
Aracéli Cristina de Sousa Ferreira - Pró-Reitoria de Gestão e Governança/UFRJ
Carlos Vainer - Fórum de Ciência e Cultura/UFRJ
Roberto Gambine - Pró-Reitoria de Pessoal/UFRJ
Programação do 2o dia – 28/08/2013
8:30h      Café
9:00h      Apresentação de Trabalhos Orais
11:00h    Apresentação de Pôsteres
11:30h    Mesa de Debate
Carreira dos Técnico-administrativos em Educação
Dulce Tristão - Coordenação Geral de Recursos Humanos das IFE/MEC
Fátima Reis - Universidade Federal de Goiás - GT Carreira da Fasubra
Jorge Freitas - Pró-Reitoria de Pessoal/UFRJ
Programação do 3o dia – 29/08/2013
8:30h    Café
9:00h    Apresentação de Trabalhos Orais
11:00h  Apresentação de Pôsteres
11:30h  Mesa de Debate
Expansão da Educação Superior
Mauro Iasi - Escola de Serviço Social/UFRJ
Paulo Márcio Faria e Silva - Reitor da Universidade Federal de Alfenas - Andifes
Programação do 4o dia – 30/08/2013
8:30h     Café
9:00h     Apresentação de Trabalhos Orais
11:00h   Apresentação de Pôsteres
11:30h   Mesa de Debate
PCCTAE, limites e perspectivas na ótica do movimento dos
Técnico-administrativos em Educação da UFRJ
Francisco de Assis - Instituto de Biologia
Neuza Luzia - Faculdade de Medicina
Simone Silva - Instituto de Estudos em Saúde Coletiva (Iesc
)
Local: Auditório Horácio Macedo (Roxinho) no CCMN - Cidade Universitária

"IDENTIDADE DA DOGMÁTICA JURÍDICO-PENAL"

Projeto “Memória dos atingidos pelo Regime Militar no IFCS – Testemunhos”

Ditadura

O Instituto de Filosofia e Ciências Sociais (IFCS) apresenta no dia 4 de setembro, uma entrevista pública com Leilah Landim, que faz parte do projeto “Memória dos atingidos pelo Regime Militar no IFCS – Testemunhos”.
Leilah é formada em Filosofia pela UFRJ e possui mestrado e doutorado em Antropologia Social pelo Museu Nacional. Trabalha também na área de Antropologia Política e possui publicações sobre temas como sociedade civil e movimentos sociais.
A entrevista acontece às 16h, na sala 106 do IFCS.

Sessão Solene de título de Professor Emérito ao Prof. Fernando José Cardim de Carvalho

Minerva



A cerimônia que concederá o título de Professor Emérito ao Prof. Fernando José Cardim de Carvalho, doutor em Economia pela Universidade do Estado de New Jersey, acontece dia 5 de setembro, às 18h, no Salão Eletrobras do Colégio Brasileiro de Altos Estudos da UFRJ.
Carvalho dispõe de ampla experiência em Teoria Econômica, atuando principalmente nos seguintes temas: economia brasileira, política econômica, economia internacional, crescimento e desenvolvimento.

“Celso Furtado: a atualidade do debate do desenvolvimento”

celso-furtado-cartaz

Palestra “Suporte a litígios”


A FGV DIREITO RIO realiza, na próxima terça-feira, dia 03 de setembro, a palestra “Suporte a litígios”, com o ex-Secretário de Prevenção da Corrupção e Informações Estratégicas da Controladoria-Geral da União, Marcelo Stopanovski Ribeiro. Às 14h, ele conversa com alunos e colaboradores da Escola de Direito no Roda Viva e, às 18h30, ministra palestra gratuita na FGV Centro (Rua da Candelária, 6).
O palestrante vai falar sobre processamento da informação jurídica, análise de provas processuais, tratamento de grandes volumes de informação em autos, visualização de dados e sínteses gráficas.
Para se inscrever para a palestra gratuita no auditório da FGV Centro, clique aqui
Mais informações:direitopec@fgv.br. Não é necessário se inscrever para o Roda Viva, que acontece no hall do 8º andar da Sede FGV (Praia de Botafogo, 190).

SEMINÁRIO 25 ANOS DO DIREITO À SAÚDE

CICLO DE DEBATES MEDICALIZAÇÃO, IDEOLOGIA E CIÊNCIA: QUO VADIS?


Ciclo-de-debates

Data: 16 de setembro de 2013, das 13h às 16h
 
Debatedores/as:
 
Jean Wyllys, deputado federal (PSOL-RJ), escritor, jornalista, professor universitário e ativista pelos direitos humanos, equidade de gênero e diversidade sexual.
 
Kenneth Camargo, professor associado da Uerj, editor associado do American Journal of Public Health e editor da revista Physis.
 
Roseni Pinheiro, professora adjunta do IMS/Uerj e coordenadora e líder do Grupo de Pesquisa do CNPq Lappis.
 
Sergio Carrara, coordenador do Centro Latino-Americano em Sexualidade e Direitos Humanos (CLAM/IMS/Uerj) e membro do Laboratório Integrado em Diversidade Sexual e de Gênero, Políticas e Direitos (LIDIS/Uerj).  
 
Local: Auditório 51, Bloco F, Universidade do Estado do Rio de Janeiro. 
Rua São Francisco Xavier, 524, 5º andar, Maracanã, Rio de Janeiro, RJ 
 
Mais informações: (21)2567-7086/   lappis@lappis.org.br 

Ciclo de palestras sobre a poesia hispano-americana

3ª Conferência de Inovação Brasil-EUA

banner_principal

A Conferência de Inovação Brasil-EUA será realizada com o objetivo de oferecer espaço para desenvolvimento de negócios e iniciativas conjuntas para a criação de novos modelos de parceria e inovação Brasil- EU.
O evento dará continuidade aos debates e iniciativas resultantes das duas primeiras edições da Conferência (realizadas em 2007, em Brasília - DF, e em 2010, em Washington- DC). Participarão líderes dos setores público e privado, universidades e centros de pesquisa das duas maiores economias das Américas.
Inscrições: o link para validação da inscrição será enviado por correio eletrônico aos participantes.

The 3rd US-Brazil Innovation Summit intends to build a creative environment for business development and joint initiatives for new models of partnership and innovation between U.S – Brazil.  The Summit will deepen efforts already underway resulting from the first two editions (held in 2007 in Brasília - DF, and 2010, in Washington - DC) and discuss a new phase of the bilateral initiative. The Summit counts with the participation of highest-level leaders of public and private sectors, universities and research centers of the two largest economies in the Americas.
Data: 11 e 12 de setembro

Date: 11th and 12th of September

Local: 
BNDES
Avenida República do Chile, nº 330 
Edifício Ventura Corporate Towers 
Rio de Janeiro - RJ - Brasil

Venue: BNDES Headquarters
Avenida República do Chile, nº 330
Edifício Ventura Corporate Towers
Rio de Janeiro - RJ - Brasil